dentro

Desavença entre concunhados termina com um homem baleado em Bocaina do Sul

Uma desavença antiga entre concunhados durante a manhã de ontem, quinta-feira (11), resultou em um homem baleado no município de Bocaina do Sul, na Serra Catarinense. O autor da tentativa de homicídio está foragido da polícia.

Segundo consta no Boletim do 6º Batalhão da Polícia Militar, os policiais foram acionados para atendimento de uma ocorrência de tentativa de homicídio. No trajeto até o local da ocorrência, os policiais receberam a informação de que a vítima, identificada pelas iniciais A. A. H. de 60 anos, estaria na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), o qual havia sido alvejado por dois disparos de arma de fogo, sendo um no membro superior direito (ante braço) e o segundo de raspão na costela do lado direito. A vítima relatou aos policiais que teve uma discussão muito tensa com seu concunhado e vizinho identificado pelas iniciais J. S. S. de 54 anos na cabeceira da ponte que antecede ambas as propriedades, que em dado momento a discussão saiu do controle e o agente sacou de uma arma de calibre 38 tipo revólver e efetuou três disparos contra o mesmo. Que após perceber que havia o atingido, tentou socorrer a vítima tendo evidentemente se arrependido da ação, sendo que a vítima se recusou a ser socorrido pelo autor, temendo por sua vida. Porém a esposa do autor que é cunhada da vítima se propôs a prestar socorro, vindo a conduzi-lo até a Upa para os primeiros socorros.

De posse das informações a guarnição PM se deslocou até a localidade de Fazenda dos assink no local dos fatos para tentar apurar mais detalhes e tentar localizar o suposto autor dos disparos. Chegando ao local entrou em contato com a esposa do suspeito que informou não ter conhecimento do paradeiro de seu marido e que ao retornar da UPA não encontrou mais o mesmo. Solicitado autorização a mesma para uma revista na propriedade, com intuito de localizar o agente e a arma do crime, sendo autorizado e acompanhado pela mesma que demonstrou muita boa vontade em ajudar a guarnição a elucidar a ocorrência.  Quanto aos fatos, relatou não saber o verdadeiro motivo que levou a tal atitude por parte de seu esposo, apenas relatou ser uma história de desavença entre as partes antiga.

 Os policiais realizaram varredura na propriedade, porém o suspeitos não foi localizado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Menor assume envolvimento em homicídio em Campo Belo do Sul

Homem é esfaqueado no Guarujá