dentro

Lages está há uma semana sem óbitos por Covid 19

Foto: Flávio Fernandes

Na data de hoje, quinta-feira (24), Lages chega há uma semana sem registrar óbitos por Covid 19, além do número de pacientes recuperados passar de 3 mil, conforme a mais recente atualização divulgada pela Secretaria Municipal da Saúde às 19h30 da noite de ontem..

Se levarmos em consideração os números da semana passada, houve ainda diminuição de 14% nos casos ativos no município e de 13,7% do número de pacientes em isolamento domiciliar. Por conta desses dados que comprovam a desaceleração na curva de contágio da Covid-19 na região, o COES Regional Serra Catarinense Covid-19 vem cobrando do Governo do Estado uma reavaliação dos critérios considerados para classificar o risco potencial de cada região, e também os motivos para manter a região da serra catarinense na cor laranja, indicando risco grave, não regredindo para cor amarela, que indica risco alto no mapa estadual de risco potencial por região.

Sobre essa questão, Claiton Camargo de Souza, Coordenador regional do Centro de Operações de Emergência em Saúde (COES) destaca o seguinte em sua fala:  “Nossa expectativa era que o Estado atualizasse agora, nesta semana a classificação regional para a bandeira Amarela. A partir daí os gestores municipais poderiam já estar planejando ações de flexibilização e possível retomada gradativa de serviços e atendimentos públicos e privados. Estamos cientes que tivemos uma melhora no cenário, mas ainda não vencemos essa batalha contra a Covid-19”.

A taxa de ocupação de Leitos UTI Covid, que em agosto alcançou um patamar de 90%, vem caindo progressivamente, e na data de ontem (23), despencou para 28%. A procura por atendimento no Centro de Triagem da Covid-19, localizado no Centro de Lages, apresentou uma redução de quase 50% desde o início da pandemia. A letalidade da região por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) também se encontra em níveis de estagnação, com frequentes picos de declínio. “Por isso, a região considera que o mapa de avaliação de risco potencial dever ser reavaliado. A informação extraoficial que temos é que na próxima semana o Governo do Estado deverá mudar a matriz de cálculo e esperamos que aí a região migre para a fase Amarela” acrescenta Claiton.

Tranquilidade sim, relaxamento não

O COES Regional Serra Catarinense COVID-19 entende que os números atuais são reflexos das medidas adotadas pelas autoridades de saúde que uniram esforços no enfrentamento da pandemia, somada à colaboração da população quanto as medidas de prevenção da doença.

Importante ressaltar que a luta contra a Covid-19 não cessou, e o momento é de uma certa tranquilidade, mas não de relaxamento, e a sociedade deve continuar fazendo a sua parte, observando as determinações e recomendações dos órgãos de saúde. Mesmo com a leve melhora no cenário da pandemia, cabe ressaltar que a região serrana acumula, até a quinta-feira (24), 102 óbitos desde o início da pandemia.

Fonte: Flávio Fernandes/Comunicação Secretaria de Saúde de Lages

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Primeiro dia do retorno dos atendimentos presenciais no Fórum de Lages foi tranquilo

Sala de raio X da UPA aguarda apenas o laudo técnico para entrar em funcionamento