dentro

Lages adota medidas mais restritivas para tentar conter o contágio da Covid 19

Entre as novas medidas está o fechamento do Parque Jonas Ramos (Tanque) e outras praças

Durante a manhã desta quinta-feira (25), em uma reunião emergencial de forma  online do Gabinete Emergencial, o prefeito  de Lages, Antonio Ceron, informou que o município editou o decreto nº: 19.071, com medidas mais restritivas que o Decreto do Governo Estadual.

O decreto estadual restringe atividades a partir das 23h59m, diariamente. Em Lages as restrições começam a partir das 21h de hoje, quinta-feira, se repetindo todos os dias até 13 de março. Essa decisão se justifica pelo sistema de saúde de Santa Catarina e consequentemente em Lages estar a beira de um colapso, com a capacidade de atendimento esgotada, com 100% de ocupação nas UTIs dos hospitais locais.

O prefeito relatou o contato que teve com o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, na manhã desta quinta-feira, quando foi informado que no início da manhã o Estado dispunha de 30 leitos UTI e que, às 11h, havia diminuído para 22 leitos. “A mesma situação acontece em Lages, que tem 58 leitos de UTI, e todos estão ocupados. Além disso, não há mais funcionários da área de saúde disponíveis”, destacou o prefeito Ceron.

Confira o que pode e o que não com o novo Decreto

– Fechamento das atividades comerciais a partir das 21h;

– Fechamento do Parque Jonas Ramos (Tanque) e outras praças;

– Multa de 5 (cinco) UFML/Unidade Fiscal do Município de Lages para pessoa física que não estiver usando máscara;

– Multa de 50 (cinquenta) UFML para pessoa jurídica que descumprir o decreto municipal. Multa em dobro para o caso de reincidência e, por fim, o fechamento da atividade;

– Máximo rigor da Força de Segurança, com a participação efetiva das polícias Civil e Militar, juntamente com a Defesa Civil Municipal de Lages.

Restrição de horário a partir das 21h

– academias e centros de treinamento;

– piscinas de uso coletivo, clubes sociais e esportivos e quadras esportivas, sendo que essas atividades estão proibidas aos sábados e domingos;

– shopping centers e centros comerciais; e – restaurantes, cafeterias, pizzarias, casas de chás, casas de sucos, lanchonetes, confeitarias, padarias e afins, limitado o ingresso de novos clientes entre as 8h e 20h, com encerramento das atividades às 21h.

Fotos: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Lages

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde de Lages: A beira de um Colapso

6º Batalhão de Polícia Militar recebe reforço no combate a Covid 19