dentro

Leão Baio vai disputar a segundona em 2019

Internacional de Lages, Brusque e Hercílio Luz iniciaram suas partidas na tarde deste domingo de Páscoa (1°) para definir as suas permanências na Primeira Divisão do Campeonato Catarinense.

Diante desta situação o Leão Baio fez um jogo tenso no Augusto Bauer, diante da equipe do Brusque e que só se resolveu quase na metade do segundo tempo.

O empate com o Brusque por 1 a 1 decretou o rebaixamento do time colorado da serra catarinense para a Série B de 2019. O Leão Baio havia subido da séria B em 2014, e desde 2015, disputava a primeira divisão do campeonato catarinense.

O Inter fez 17 pontos, mesmo número do Hercílio Luz mas separados pelo critério de saldo de gols. O time de Tubarão fez dois a mais. O Tigre venceu o Hercílio por 1 a 0, no Heriberto Hülse.

O primeiro tempo foi morno, mas na segunda etapa, o jogo melhorou e aos 19 min, o árbitro Ramon marcou pênalti a favor da equipe lageana, quando a bola bateu no braço do zagueiro. O atleta colorado Rafael Lucas cobrou forte quase no meio do gol, goleiro para um lado e bola para outro.

Quase ao mesmo tempo no outro confronto no Heriberto Hulse, o Criciúma abre o placar frente ao Hercílio Luz colocando temporariamente o time de Tubarão na Série B de 2019. Mas a felicidade do Leão Baio durou pouco, Rafinha do Brusque empata aos 24 minutos num cruzamento que recebeu na pequena área.

A equipe comandada pelo técnico Pingo se livrou do rebaixamento mesmo com empate.

O time lageano passou quase todo o campeonato preocupado com a parte baixa da tabela.

O Concórdia havia decretado a degola na última quarta-feira. Chapecoense e Figueirense estão garantidos na decisão que acontece no próximo domingo (8), na Arena Condá.

Foto: Ilustrativa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sapecadas 2018

Mostra do Campo acontece de 19 a 22 de abril em Bocaina