dentro

Lombadas eletrônicas só o ano que vem em Lages

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) fez análise em oito cidades e constatou que em sete não houve estudos quanto à consistência de viabilidade para instalação de lombadas eletrônicas. Deve-se levar em conta a incidência de acidentes e não o fluxo de carros nos determinados locais. Está descartado contrato emergencial. Um estudo será feito em Lages, seguindo as orientações do TCE e normas do Contran (Resolução nº: 396).

Serão priorizados sinalização e outros instrumentos físicos. São 67 pontos de fiscalização eletrônica e todos serão revistos e a Secretaria de Planejamento está atuando na elaboração de uma licitação.

Pelo que se observa da morosidade das pendências que emperram o funcionamento das licitações dos orgão públicos nas esferas municipais, estaduais e federais, a lombadas eletrônicas se tyudo correr bem, ficará somente pro ano que vem.

Já a Área Azul, nesta semana o edital de licitação será encaminhado à Procuradoria-Geral do Município (Progem) para análise.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

30ª Festa Nacional do Pinhão – Faltam quatro dias para a abertura do Recanto do Pinhão

Prefeitura executa obras de drenagem na rua Archilau Batista do Amaral, no Universitário