dentro

Menor assume envolvimento em homicídio em Campo Belo do Sul

A Polícia trabalha com a hipótese de ter mais pessoas envolvidas no assassinato de Kemilli

Apesar do menir ter confessado a participação na morte de Emilli, a polícia trabalha com a hipótese de ter mais envolvidos nesse homicídio

Estamos trazendo mais informações sobre o homicídio ocorrido no interior de um reflorestamento na localidade de 17 de abril, interior do município de Campo Belo do sul, que vitimou a menina Ana Kemilli de apenas 14 anos.

No final da manhã desta quinta-feira, (11), o outro menino de 15 anos, que havia desaparecido, chegou a casa dos seus pais, chorando, nervoso, assumindo a responsabilidade pela morte de Anna Kemilli.

No início da tarde desta quinta-feira (11), o menino se apresentou na Delegacia de Campo Belo, onde conversou com o Delegado responsável pelo caso Tiago Gomes, que após o interrogatório, relatou que o suspeito não alegou o motivo que o levou a cometer o crime.  O delegado ainda destaca que foi respeitado o direito do suspeito de permanecer calado. A Polícia trabalha com a hipótese de ter mais pessoas envolvidas no assassinato de Kemilli, mas ainda investigado se essa possibilidade procede ou não. Por enquanto suspeito permanecerá em liberdade.

Familiares e amigos da vítima  fizeram uma manifestação durante a noite de ontem, quinta-feira, pedindo a polícia a solução para esse homicídio que abalou a cidade.

Relembre o caso

Texto: Márcio Proença

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Presidente do Legislativo reúne imprensa local para apresentar modelo de gestão para 2021

Desavença entre concunhados termina com um homem baleado em Bocaina do Sul