dentro

Mulher é estuprada no bairro Sagrado em Lages

Foto: Arquivo/Divulgação

Uma mulher de iniciais L.D.S.L.L de 55 anos, foi estupra no interior de um galpão, localizado em um terreno baldio, na rua Senador Salgado Filho, bairro Sagrado Coração de Jesus, em Lages, por um homem de iniciais J.P.A.D.C de 32 anos.

Policiais militares foram acionados via Central Regional de Emergência (CRE), para se deslocarem em atendimento a uma ocorrência no endereço acima descrito. Ao chegarem ao local a solicitante informou que um masculino, morador de rua, teria levado uma senhora, aparentemente embriagada, para um terreno baldio. De posse das informações chegaram ao local mencionado pela solicitante, onde localizaram a vítima, acima identificada, deitada enquanto que o su8speito também identificado acima, estava saindo do terreno.

Frente à situação o masculino foi abordado, sendo procedida a busca pessoal, entretanto, nada de ilícito foi encontrado. Depois de indagada a feminina, esta informou que teria sido estuprada pelo referido indivíduo. Logo no início da ocorrência uma adolescente esteve no local e conversou com os policiais, informando que presenciou ambos os envolvidos saindo de um galpão de madeira situado junto ao mencionado terreno baldio, sendo que a feminina ficou deitada próximo a cerca e logo depois o masculino saiu ajeitando as calças. A feminina estava em completo estado de embriaguez.

Ao ser efetuada a consulta dos antecedentes policiais do masculino, foi verificado que ele já havia sido preso anteriormente pelo crime de estupro de vulnerável. A feminina foi conduzida pelo SAMU até o Hospital Nossa Senhora dos Prazeres, onde permaneceu hospitalizada. Diante dos fatos o autor recebeu voz de prisão, sendo conduzido e apresentado à Autoridade Policial na Central de Polícia, mediante lavratura de Boletim de Ocorrência modalidade Prisão/Apreensão.

Fonte: Resenha 6º Batalhão da Polícia Militar de Lages

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assalto a mão armada no bairro Habitação em Lages

Prorrogado o prazo para recadastramento no Cemitério da Penha