dentro

Mulher é importunada sexualmente no Centro de Lages

Policias foram acionados por volta das 15h:30 da tarde de ontem, segunda-feira(06), via Central Regional de Emergência (CRE), para atendimento de uma ocorrência de importunação sexual, na rua Benjamin Constante, Centro de Lages, mais precisamente nas proximidades do Laboratório São Lucas.

Ao chegarem ao local, os policiais entraram em contato com a vítima, que relatou aos policiais que  retornava do seu trabalho, se deslocando nas proximidades do Hospital Nossa Senhora dos Prazeres,  quando foi abordada por um masculino moreno e alto, que solicitou-lhe ajuda, para pressionar um sensor, momento que o autor solicitou que a vítima entrasse em um corredor dentro do prédio do referido laboratório, sendo que a mesma ficou com as mãos em um sensor abaixada, por alguns minutos, momento em que olhou para trás viu o masculino se masturbando. De imediato saiu correndo pedindo ajuda, e o masculino tentou segura-la lhe ameaçando, falando “que lhe acharia, seria bom ela pensar bem antes de acionar a polícia”, em seguida o autor saiu do local em um veículo azul.

No momento que a guarnição lavrava o Boletim de Ocorrência, o masculino, suposto autor da importunação, retornou ao local junto de um advogado, se justificando sobre ocorrido. Os policiais o abordaram, realizando a busca pessoal, em seguida foi cientificado que seria conduzido à Delegacia, momento em que foi ser algemado o masculino empreendeu fuga correndo pelas ruas do centro sendo acompanhado até determinado ponto, porém foi perdido o contato visual com o mesmo não sendo mais encontrado.

Foi realizado buscas com apoio de mais algumas viaturas, porém sem sucesso, em seguida deslocado até a residência do suspeito, onde foi avistado o seu veículo, um Monza de cor Azul em frente sua casa, no entanto não tinha ninguém na residência. Vizinhos informaram aos policiais que o mesmo havia saído em um veículo celta de cor branca juntamente com sua esposa e seu filho.

Vale destacar que o suspeito é figurinha carimbada no meio policial pela prática do mesmo delito. Diante dos fatos foi orientado a vítima sobre os procedimentos a serem tomados.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Manifestações 7 de setembro em Lages

Representantes do judiciário do Brasil emitem nota defendendo o Estado Democrático de Direito