dentro

Números de leitos de UTI começam a preocupar em Lages

Arte: Carlos Alberto Arruda Junior

Um novo boletim divulgado por volta das 17h:45 da tarde deste domingo (12 de julho), através do Gabinete Emergencial de Prevenção e Combate à Covid-19, apontam que os números em Lages estão aumentando consideravelmente. Já são 449 pessoas positivadas, destas 302 pessoas recuperadas e 136 em isolamento domiciliar, com 10 pessoas internadas, com um óbito confirmado por Covid 19 no município.

E este crescimento dos números de pessoas positivadas, e de internamentos começam a acender uma luz de alerta no sistema de saúde do município, que é considerado polo da região da Serra Catarinense. Pois os números passados no início desta matéria, são somente do município de Lages, que e referência de atendimento para Covid 19 da região serrana.

Palavras do Dr. Luiz Marcatto, que em sua fala quando participou de um podcast em nosso portal de notícias, destacou que essa situação de tranquilidade que Lages vivia, não deveria continuar. E que Lages e região da Serra Catarinense não havia entrado na Pandemia ainda. E os números atuais confirmam suas palavras, pois em menos de 48 horas, Lages teve um aumento de 41 pessoas positivadas e 10 internamentos. E devido atender a região da Serra Catarinense, Lages está com 92% dos seus leitos destinados a pacientes infectados por Covid 19 ocupados.

O governador Carlos Moisés, que desde que testou positivo para Covid 19 havia sumido das mídias, retorna e começa a preparar novas medidas restritivas. Amanhã, segunda-feira (13 de julho), medidas que valem para todas as cidades catarinense devem ser anunciadas conforme informações do jornalista da NSC TV Raphael Faraco. As medidas a serem anunciadas amanhã, restringem em todo o estado de Santa Catarina, eventos sociais e esportivos, incluindo o Campeonato Catarinense de futebol. A tendência é que haja uma regra para o Estado nesses setores. Ao mesmo tempo, aumentará a atuação estadual junto aos municípios.

O cenário do Coronavírus em Santa Catarina, gera uma certa mobilização no Executivo estadual. Pois a descentralização das decisões para as prefeituras retirou do Estado o protagonismo nas ações, mas também fez com que o governo diminuísse o comando sobre a gestão da pandemia.

O que preocupa para os gestores de saúde da Serra, é a questão da ocupação dos leitos de UTI. E até quando o Governador Carlos Moisés vai enrolar para liberar os 28 novos leitos de UTI do Hospital Tereza Ramos?  Pois com a liberação desses novos leitos, daria um folego para a saúde de Lages poder atender os pacientes de toda a região serrana, que são encaminhados para Lages por ser referência para atendimento a pacientes positivados pela Covid 19.

Leitos dos Hospitais Incluindo Pacientes de outros municípios 

HMTR UTI COVID – 09 leitos COVID: 08 pacientes
1 de Anita Garibaldi, CONFIRMADO
1 de Balneário Camboriú, CONFIRMADO
1 de Rio Rufino, CONFIRMADO
1 de Urubici, CONFIRMADO
2 de Lages, CONFIRMADOS
2 de Lages, SUSPEITOS

HMTR Clínicos COVID – 49 leitos COVID: 12 pacientes (houve ampliação para atender a demanda)
6 de Lages, CONFIRMADOS
1 de São José do Cerrito, SUSPEITO
5 de Lages, SUSPEITOS

HNSP UTI COVID – 10 leitos COVID: 08 pacientes
1 de Lages, CONFIRMADO
1 de São Joaquim, SUSPEITO
6 de Lages, SUSPEITOS

HNSP Clínicos COVID – 20 leitos COVID: 05 pacientes
5 de Lages SUSPEITOS

HISB UTI COVID – 05 leitos COVID: 00 paciente
Zero

HISB Clínicos COVID – 30 leitos COVID: 02 pacientes
1 de Lages, CONFIRMADO
1 de Lages, SUSPEITO

43 casos aguardando resultados do Laboratório Central do Governo do Estado (Lacen)

Total de internados nos hospitais em Lages, entre suspeitos e confirmados, de todos os municípios: 35 pacientes (leitos comuns e UTI)

Ocupação de leitos de UTI adulto da Serra Catarinense = 92%

Fonte Informações Ocupação de Leitos: Secretaria da Saúde de Lages, com base no sistema de internações

Texto: Márcio Proença

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Motorista morre após caminhão cair em precipício na Serra do Rio do Rastro

Números de leitos de UTI e novas estratégias de combate a Covid 19 foram os focos da reunião do Gabinete Emergencial em Lages