dentro

Saúde reduz fila de espera na área de Otorrino

Centenas de crianças e adolescentes já realizaram as cirurgias. Neste final de semana inicia um mutirão que vai atender pacientes adultos

Mais de 500 pacientes de Lages que aguardavam na fila de espera de 2014 para procedimentos de cirurgia de otorrinolaringologia já foram atendidos desde 2017, através da Secretaria de Saúde do Município. A força-tarefa teve início em maio do ano passado, quando o setor de Regulação iniciou a chamada de 884 crianças e adolescentes, com encaminhamento através da Policlínica Municipal, para cirurgia de adenoide e amígdalas.

Os procedimentos são executados no Hospital Infantil Seara do Bem, em um ambulatório exclusivo para a especialidade, inaugurado pela Secretaria em novembro do ano passado. “Além da redução da fila de espera, ganhamos também na redução do tempo de espera, pois agora a cirurgia pode ser feita dentro de um mês”, destaca a secretária de Saúde, Odila Waldrich.

Por outro lado, a dificuldade de comunicação com os pacientes preocupa os gestores da Secretaria. “Tentamos contato com todos os pacientes e quase um terço deles não nos atendeu ou retornou. Não sabemos se já realizaram os procedimentos ou não, de qualquer forma, eles podem nos procurar e informar a situação”, destaca o diretor de Regulação da Secretaria da Saúde, Claiton Camargo de Souza. O diretor reforça que os pacientes, crianças e adolescentes, que estavam na fila de cirurgias de otorrino, devem procurar o setor de Regulação para atualizar os dados e informar a necessidade de cirurgia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Festa Nacional do Pinhão – Meio Ambiente trabalha em área ampliada do calçadão central de Lages

16ª Semana de Museus: